Confira A Beleza e Raridade Da Jacarandá Madeira

Home Madeiras Confira A Beleza e Raridade Da Jacarandá Madeira
Jacarandá Madeira

Se você quer ter projetos super sofisticados com madeira, então deve conhecer melhor sobre esse tipo. A jacarandá madeira possui uma ampla utilização desde projetos de arquitetura até a construção de instrumentos musicais. Suas características a deixam em lugar de destaque para quem busca uma tonalidade intensa e resistência ainda maior.

A jacarandá é associada à projetos marceneiros de alta qualidade e requinte. Sua utilização data desde centenas de anos e esse tipo de madeira possui diferentes espécies, sendo a jacarandá-da-baía uma das mais utilizadas e procuradas.

Conheça um pouco mais sobre a jacarandá, e surpreenda-se com suas belas características e diversas possibilidades de utilização.

Jacarandá MadeiraConheça a origem da jacarandá madeira

A jacarandá possui outros nomes populares como caviúna, jacarandá-preto, pau-preto, graúna, jacarandá-cabiúna e jacarandá-una. Ela é da família Fabaceae, das leguminosas, e possui diversas espécies sendo a mais utilizada a jacarandá-da-baía ou Dalbergia nigra em seu nome científico.

Existem outras árvores com o nome jacarandá que podem ser facilmente confundidas com a jacarandá-da-baía, mas que não são amplamente utilizadas como ela. São registradas ao menos 49 espécies de jacarandá em todo o mundo, com ocorrência maior na América Latina.

A árvore da jacarandá madeira pode ser encontrada na mata atlântica do sul da Bahia e é por sua ampla ocorrência nesse local que leva o nome de jacarandá-da-baía. Também é encontrada em toda a mata atlântica ao sul da Bahia até o estado de São Paulo passando por Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

A árvore da jacarandá pode atingir até 25 metros de altura, seu tronco pode atingir de 40 a 80 centímetros, o crescimento é moderado a rápido porém pode sofrer interferência de animais roedores que dificultam seu crescimento. Sua copa é bem aberta e extensa, lembrando um guarda-chuva, com flores brancas que florescem entre os meses de novembro e dezembro

A jacarandá também é amplamente utilizada no paisagismo. Flores de outras colorações podem ser encontradas em outras espécies da jacarandá, como as flores lilás da jacarandá-mimoso. Suas folhas medem de 2 a 3 centímetros de largura e 8 a 12 centímetros de comprimento.

Sua casca não é muito grossa, possuindo espessura de até 11 mm. A coloração de sua casca externa é de acastanhada a castanho-acinzentada, pouco áspera e é moderadamente rugosa. A sua casca interna possui coloração amarelada, textura fibrosa e uma estrutura laminada.

Jacarandá MadeiraCaracterísticas da jacarandá madeira

A jacarandá madeira foi amplamente explorada no período colonial, motivo pelo qual hoje ela se encontra em grau de vulnerabilidade em seu estado natural de conservação. Era muito utilizada para exportação e utilizada em construções nobres em países estrangeiros. Era utilizada na produção de mobiliário de igrejas em Portugal e por esse motivo era conhecida neste país como pau-santo.

Sua raridade também a fez também ser uma das madeiras mais valorizadas entre as nativas brasileiras e hoje é considerada uma madeira nobre, de luxo, tendo seu preço associado também a essa característica. Isso significa que essa não é uma madeira barata e é comumente utilizada em na produção de mobiliários de luxo, por exemplo.

A madeira do jacarandá-da-baía tem densidade moderada entre 0,60 a 0,91 g/cm³, a 15% de umidade, coloração marrom-rosada com listras em coloração mais escura. O cerne e o alburno possuem poucas diferenças de coloração. Possui tons mais escuros, o que aumenta ainda mais seu ar rústico e luxuoso.

Possui grã direita, textura média. Com uma superfície brilhante e lustrosa por natureza, esse tipo de madeira não possui odor ou sabor característicos. É uma madeira com alta durabilidade e resistência natural.

A utilização da jacarandá

A utilização da jacarandá madeira, apesar de ser muito associada a projetos de luxo, também pode ter diversas outras finalidades. Ela é mundialmente conhecida por ser uma das melhores matérias-primas na construção de pianos.

Inclusive, sua utilização na produção de instrumentos musicais é uma de suas principais características. Essa utilização teve início por volta da década de 50, onde foi utilizada em larga escala na produção de fundos de violões e guitarras.

A sonoridade que esse tipo de madeira proporciona aos instrumentos musicais é diferenciada. Isso faz com que os instrumentos confeccionados com a jacarandá madeira sejam muito valorizados hoje em dia, além do mais o design final dos instrumentos feitos com essa madeira é rústico, muito bonito e de extrema qualidade.

Além dos instrumentos musicais a jacarandá madeira também pode ser utilizada para assoalhos. Sua utilização para essa finalidade traz diversas vantagens já que este é um material bem resistente e durável. Quando utilizada para esse fim, o acabamento propiciado pela madeira jacarandá fica muito bonito, sofisticado e de extremo bom gosto.

Por causa de sua atual raridade, é comum que móveis de luxo sejam associados a essa madeira. Mesas, cadeiras, estantes, armários e cristaleiras são exemplos de móveis de luxo que podem ser construídos com a jacarandá madeira.

Ela também é utilizada em projetos decorativos como painéis que podem fazer parte da decoração de ambientes internos trazendo um ar aconchegante, rústico e requintado. Seu uso em ambientes externos e com alta umidade não é muito recomendado. Apesar de sua alta durabilidade natural, sua densidade não é a mais adequada para sofrer esse tipo de impacto. Seu alto padrão faz com que o seu uso para ambientações seja preferivelmente interno.

Jacarandá MadeiraExistem ainda outras formas de utilizar a jacarandá madeira como você pode conferir a seguir:

  • Lambris
  • Molduras
  • Rodapés
  • Folhas decorativas em
  • Caixas de rádios
  • Peças torneadas
  • Portas
  • Na construção civil em vigas e mourões
  • Tabuado
  • Marcenaria
  • Carpintaria
  • Cabos de ferramentas

Uma curiosidade interessante sobre essa madeira é que ela possui queima fácil e duradoura, ou seja, sua lenha é ótima para ser utilizada tanto em fornos de alta capacidade quanto em fogões à lenha.

A manutenção da madeira

Todos os tipos de madeira devem passar por um tratamento para que sua durabilidade e resistência a fungos e cupins possam ser aprimoradas. No caso da jacarandá madeira não difere devem ser utilizados produtos próprios para que ela possa ter uma longevidade ainda maior, seja em qual for sua utilização.

O tratamento ajuda a madeira a manter suas características naturais por muito mais tempo e ajuda também a proteger de mudanças de temperaturas, poeira e intempéries. No caso da jacarandá madeira, ela deve ser devidamente tratada independente de sua finalidade. Podem ser utilizados produtos como o verniz, seladores e a cera de abelha com óleo mineral. Esse último, além de natural, proporciona uma cama resistente e aumenta ainda mais o brilho natural da jacarandá.

A conservação de móveis, objetos e assoalhos com a madeira jacarandá também dependem de sua limpeza. Em muitos casos a utilização de um pano seco e macio é o suficiente para retirar as sujeiras superficiais sem agredir e modificar a qualidade da madeira.

Já para sujeiras mais difíceis de serem removidas, um pano levemente úmido pode ser utilizado. Porém nesse caso é preciso tomar cuidado pois mesmo com produtos de proteção e impermeabilidade, a água aumenta o poder de deterioração da madeira. Além disso, é preciso evitar deixar a madeira umedecida, pois aumenta-se o risco da proliferação de fungos e outros microorganismos

Jacarandá MadeiraSituação ambiental atual da jacarandá madeira

Atualmente a jacarandá madeira continua sendo a mais cobiçada na produção de instrumentos musicais por causa de sua sonoridade excêntrica, por exemplo. Sua preservação é de extrema importância para que continuemos a conviver com essa espécie que tanto pode proporcionar. Ela está, atualmente, na lista de espécies ameaçadas de extinção segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis.

Sua ocorrência se dá na Mata Atlântica, que também luta para ser preservada na costa brasileira. A diminuição da Mata Atlântica significa a diminuição da jacarandá. As sementes dessa árvore são utilizadas como alimentos para animais roedores, o que dificulta ainda mais o sua renovação.

Para manter o equilíbrio e evitar que essa árvore desapareça do bioma brasileiro ela está atualmente sendo plantada em locais especiais, áreas de preservação, pequenas matas e propriedades privadas protegidas por leis especiais. As leis tem o intuito de proteger essa árvore nativa.

Com o controle do plantio e crescimento do jacarandá é possível observar sua evolução e buscar meios de manter o equilíbrio ecológico e evitar sua extinção.

Encontre fornecedores autorizados

Na hora de investir em um móvel, projeto de arquitetura, decoração, construção com madeiras é preciso estar atento ao fornecedor. Todas as madeiras devem passar por rigorosos processos de autorização de extração e serem autorizadas pelo IBAMA.

No caso da jacarandá madeira essa preocupação se faz ainda mais necessária. Por ser uma madeira nobre, luxuosa e com existência ameaçada é preciso que tanto os comerciantes quanto os compradores utilizem apenas a madeira autorizada.

Garantir a preservação da madeira jacarandá é permitir que seu uso seja feito de forma equilibrada e que essa árvore continue oferecendo os seus frutos tanto em meio às florestas da Mata Atlântica quanto em meio às inúmeras utilizações que ela pode ter após sua extração.

Sofisticação e estilo únicos

Por fim, a jacarandá madeira é altamente especial e sua utilização garante um refinamento único ao ambiente. Para quem deseja investir na decoração através de móveis de madeira luxuosos e duráveis, a jacarandá é sem dúvidas uma das melhores opções.

Os instrumentos musicais produzidos com essa madeira são os de melhor qualidade e sonoridade. Seu acabamento em assoalhos e demais peças é impecável. A jacarandá madeira é uma obra prima da vegetação brasileira e com moderação e equilíbrio ainda poderá ser utilizada por longos anos à frente.

Artigos Relacionados

 
×